Igrejas no Brasil e no mundo vivem “24 horas para o Senhor”

Proposta do Papa Francisco, iniciativa “24 horas para o Senhor” pretende reforçar a importância do sacramento da Reconciliação

As Igrejas no Brasil e no mundo iniciaram nesta sexta-feira, 9, as “24 horas para o Senhor”. A iniciativa de oração é promovida pelo Pontífice Conselho para a Nova Evangelização e voltada para o sacramento da Reconciliação. Com o tema “Contigo está o perdão” (Sl 130, 4), arquidioceses e dioceses vivem momentos ininterruptos de oração, com terços, adoração ao Santíssimo Sacramento e Celebrações Eucarísticas.

A Arquidiocese de Brasília, do Rio de Janeiro, de Belo Horizonte e o Santuário do Pai das Misericórdias, localizado na Canção Nova em Cachoeira Paulista — interior de São Paulo —, vivem a iniciativa que terá seu fim neste sábado, 10 de março.

Na programação da Catedral Metropolitana de Brasília está a oração das Laudes, exposição permanente do Santíssimo Sacramento, meditações, orações do Terço Mariano e da Misericórdia, e a Santa Missa. No Rio de Janeiro o evento acontece em todos os vicariatos e será finalizado com uma missa na Igreja Nossa Senhora do Carmo da Lapa do Desterro, presidida pelo arcebispo da Arquidiocese, Cardeal Orani João Tempesta, e o prefeito da Congregação para a Educação Católica da Santa Sé, Cardeal Giuseppe Versaldi.

Em Belo Horizonte a programação atribui horários de oração para crianças, jovens e famílias, além de contar com horários de confissão. No Santuário do Pai das Misericórdias o dia de oração foi iniciado com uma santa missa às 7h, e segue com Adoração Eucarística, terço da misericórdia e via-sacra. As “24 horas para o Senhor” serão encerradas no Santuário com uma missa às 7h deste sábado, 10.

A iniciativa de oração acontece todos os anos no tempo de Quaresma desde 2013. A proposta é que as igrejas em todo o mundo fiquem abertas 24h para que os fiéis possam participar do sacramento da reconciliação.

Via cancaonova.com